22 de dezembro de 2011

A PALAVRA MAIS BELA - Adolfo Simões Müller




Fui ver ao dicionário dos sinónimos

A palavra mais bela, sem igual,

Perfeita como a nave dos Jerónimos

E o dicionário disse-me: NATAL.



Perguntei aos poetas que releio

Gabbriela, Régio, Göthe, Poe, Quental,

Lorca, Olegário... E a resposta veio:

Christmas... Nöel... Natividade... NATAL.



Interroguei o firmamento todo

Cobra, formiga, pássaro, chacal!

O aço em chispas,, o pipe-line, o lodo!

E a voz das coisas respondeu: NATAL!



Pedi ao vento e trouxe-me dispersos

Riscos de luz, fragmentos de papel

Cânticos, sinos, lágrimas e versos

Um N, um A, um T, um A, um L...

Perguntei a mim próprio e fiquei mudo

Qual a mais bela das palavras, qual?

Para que perguntar, se tudo, tudo,

Diz: NATAL, diz NATAL, diz NATAL!

3 comentários:

Faniquito disse...

Oii, amiga !!!

Pela fé Maria dá Jesus ao mundo . O Natal que celebramos recorda que esse também é o compromisso de todos nós !!!

Um feliz e santo Natal... bem aventurado aquele que acredita !!!

\o/ Beijinhos \o/

Ana

Coisas de Mulher disse...

Um Feliz Natal e tudo de bom para 2012!
Beijinho grande!
Helena :D

As Artes da Bete disse...

Obrigada,
Boas Festas também para si e para a sua família!
Tudo de bom para o novo ano que se aproxima!
Beijinhos